Banner_foto_digital_3

No Banner to display

Rondônia, Hoje é

MP abre investigação para apurar contratação de servidora fantasma pela Câmara de Vereadores

Postado Dia outubro 3rd, 2017

Em denuncia, mulher disse que nunca trabalhou na Casa de Leis, mas que teria prestado concurso público em 2004, ela acha que usaram seu nome indevidamente. Diante disso, MP quer saber qual era o presidente à época.

MP abre investigação para apurar contratação de funcionária fantasma pela Câmara de Vereadores de Monte Negro
Em decisão publicada nesta segunda-feira (02), o Ministério Público Estadual, por meio da promotora de Justiça Tâmera Padoin Marques Marin, abriu um procedimento para investigar um suposto ato de improbidade administrativa que resultou na contratação de uma funcionária fantasma pela Câmara Municipal de Monte Negro em 2004.

A suposta funcionária que trabalhou em um gabinete de um vereador, M.C.F.S.M. prestou uma declaração no mês de abril deste ano, na sede do MPE em Ariquemes, onde ela teria acessado um aplicativo de um banco em seu celular, onde retirou o extrato do INSS referente ao seu CPF, quando descobriu que havia um registro datado de 01.04.2004 dando conta que ela teria trabalhado na Câmara de Vereadores de Monte Negro.

Segundo ela, nunca teria exercido nenhuma função naquela Casa de Leis, onde sempre trabalhou de doméstica e, hoje, é pensionista. A depoente ainda teria feito um concurso, em meados de 2004, para concorrer a uma vaga de Auxiliar Administrativo, onde chegou a ser aprovada, todavia não passou dentro do número de vagas e nunca foi chamada posteriormente.

Diante dos fatos, o Ministério Público Estadual pediu informações a Câmara de Vereadores de Monte Negro para saber em qual gabinete a denunciante teria sido lotada e qual o presidente à época.

Fonte:Rondoniavip

banner 2pe