Banner_foto_digital_3

No Banner to display

Rondônia, Hoje é

CUJUBIM: Polícia desarticula grupo acusados de roubos e que planejava assaltar relojoaria no município

Postado Dia janeiro 4th, 2018

Por volta das 10:00h desta quinta-feira (04/01), a Polícia Militar sobre o comando do SGT Carvalho desencadeou uma operação no município de Cujubim onde apreendeu 4 pessoas acusadas de pratica em roubos na cidade.

O trabalho dos policiais iniciou, após a central de operações da PM receber uma denúncia sobre suspeitos que possivelmente estaria planejando um roubo e o paradeiro do grupo estariam na Avenida Gaivota, nas proximidades do depósito Arruda, onde havia uma residência com grande movimentação de pessoas em atitude suspeita.

Com base nas informações os policiais montaram uma campana monitorando o local, momento em que os elementos notaram o cerco policial e tentaram empreender fuga pelos fundos da casa. Segundo informações apuradas pela nossa reportagem um dos suspeitos estava de posse de uma garrucha calibre 22, municiada e teria apontada contra a guarnição, que de imediato revidou a injusta agressão do meliante, efetuado cerca de cinco disparos, sendo que o individuo largou a arma e correu, porém foi capturado pelo cerco policial.

Quatro pessoas foram presas acusadas de formar organização criminosa, sendo três homens e uma mulher, segundo a polícia dois elementos possuem mandados de prisão. Com eles foi localizado uma garrucha calibre 22, uma garrucha calibre 32, duas motocicletas sem procedência, vários celulares, aparelhos eletrônicos, munições calibre 22 e 32, câmara fotográfica, jóias e dinheiro.

Em um dos celulares dos suspeitos foi encontrada mensagens em que os acusados planejava fazer um roubo a uma relojoaria de Cujubim, ainda de acordo com os policiais, um dos meliantes estaria baleado, o elemento teria baleado a si mesmo após praticar um roubo no município.

Diante dos fatos os suspeitos receberam voz de prisão e foram apresentados ao plantão da Polícia Civil (UNISP), para serem tomadas as devidas providencias cabíveis por parte da Polícia judiciaria.

Fonte: Rondoniareal.com.br

 

banner 2pe